Tenha foco, seja mais produtivo e tenha sucesso nos negócios – Dicas que realmente funcionam

Desenvolver o foco é essencial para quem quer obter sucesso em qualquer área, principalmente nos negócios. Vivemos em um mundo onde a informação passou a ser de fácil acesso, qualquer pessoa pode aprender sobre praticamente qualquer assunto, entretanto, como um empreendedor, você precisa ter foco, e esse texto procurou apontar o caminho para que você consiga desenvolvê-lo. Leia esse artigo e aprenda a aumentar o seu foco, para que dessa forma, você possa conquistar o sucesso através do seu empreendimento.

Diga não

O seu tempo é precioso, não há dinheiro no mundo que possa recuperá-lo. Aprender a dizer não irá poupar muito do seu tempo, sabemos do nível de dificuldade dessa tarefa, pois queremos sempre fazer tudo no mesmo momento ou não decepcionar aos outros. Nesse sentido, faça o seguinte:

  • Defina três tarefas que precisam ser feitas no dia, ou então, na semana. Concentre-se na concretização dessas três tarefas, e elimine toda distração que não colabore para isso.
  • Aprenda a delegar, você não precisa fazer tudo na sua empresa, existem tarefas que qualquer outra pessoa pode fazer, entretanto, exija um padrão de qualidade e procure monitorar essas atividades.

Faça pausas

Faça pausas, você não é uma máquina, o seu cérebro precisa de descanso. Após um determinado período de foco absoluto, que pode ser de 50 minutos, faça uma pausa de 10 minutos, nesse intervalo de descanso, faça um alongamento, beba um pouco de água, coma uma fruta etc. Lembre-se, nesse intervalo de descanso, não perca o foco, ele existe para te ajudar a recompor as energias.

Elimine às distrações

WhatsApp, Facebook e demais redes sociais, são ferramentas excelentes, entretanto, elas são especialistas em distrair, você pode passar um bom tempo nessas redes sociais sem ver o tempo passar. Para conseguir contornar essas distrações, sem abandonar de vez as redes sociais, veja as dicas abaixo:

Tenha foco

  • Defina um horário específico do seu dia para entrar em cada uma das redes sociais. Por exemplo, às 18:30 – 15 minutos de Facebook.
  • Faça o mesmo para ler ou responder aos e-mails recebidos. Você não pode ficar verificando os e-mails recebidos em qualquer horário. Tenha foco.
  • Desative as notificações automáticas, tanto das redes sociais, quanto do seu e-mail.
  • Feche as janelas do navegador e do computador. Deixe aberta apenas as janelas úteis para a realização das suas tarefas.

Desenvolva o hábito de ter foco

Incorpore nas suas atividades diárias as dicas apresentadas nesse artigo. Tenha um horário específico para realizar as suas tarefas, da mesma forma, uma hora para verificar as redes sociais e o e-mail. Não esqueça, priorize as tarefas mais importante e faça pausas.

 

 

 

A Apple está tentando recuperar o atraso

Resultado de imagem para apple

Seis anos atrás, a Apple foi a primeira empresa de tecnologia principal com um assistente de voz. Agora, os falantes inteligentes da Amazon e Echo do Google estão finalmente fazendo os assistentes mainstream, enquanto a Apple produz o assistente de voz Siri.

No WWDC, que aconteceu entre os dia 5 e 9 de Junho de 2017, a Apple (AAPL, Tech30), se colocou de volta ao jogo anunciando um alto-falante inteligente Siri. O CEO Tim Cook e outros executivos da Apple mostraram previsões dos próximos sistemas operacionais iPhone, Mac, Apple Watch e Apple TV. Os rumores de que a empresa lançaria um novo falante inteligente e atualizará suas linhas Mac e iPad são verdadeiros.

WWDC significa World Wide Developer Conference, que aconteceu em San José, Califórnia, embora alguns fãs da Apple insistam em chamá-lo de “dub dub”. O evento anual de três dias é uma oportunidade para os desenvolvedores de software virem e aprenderem mais sobre como fazer aplicativos para os produtos da Apple.

Atualizações para iOS e macOS

Isto é, quando a Apple tradicionalmente dá a todos uma olhada nos próximos sistemas operacionais para iPads, iPhones e Macs. Isso proporciona aos desenvolvedores tempo para fazer programas antes dos grandes lançamentos de iPhone.

Este é o aniversário de 10 anos do iPhone. Além de liberar uma atualização especial do iPhone no final deste ano, uma atualização maior do que o iOS usual também faz sentido. Além de uma revisão visual, a Apple pode incluir atualizações para a Apple Music e alguns aplicativos principais como o Google Maps ainda este ano. O Snapchat-ification do iOS pode continuar, com mais funcionalidades de compartilhamento.

Os rumores são pequenos para o macros recentemente renomeado, mas corrigir o iTunes seria um prazer real da multidão. Siri veio ao Mac no ano passado. A Apple pode adicionar mais recursos e integrações de terceiros ao assistente de voz, possivelmente parte de uma revisão de Siri maior.

Novos recursos de crossover podem tornar mais fácil o retorno entre o iOS e o MacOS, semelhante ao que a Microsoft (MSFT, Tech30) e o Google (GOOGL, Tech30) estão fazendo com seus próprios sistemas operacionais.

Alto-falante inteligente Siri da Apple

O maior zumbido deste ano é para um novo tipo de hardware, o primeiro desde o Apple Watch.

Um alto-falante inteligente Siri poderia ser anunciado no WWDC deste ano. Como o Amazon (AMZN, Tech30) Echo e o Google’s Home, um orador da Apple usaria a tecnologia para tornar o Siri omnipresente no lar.

A Apple tem sido tímida quanto à abertura de Siri para desenvolvedores de terceiros, e o assistente sofreu por causa disso. No mínimo, a Apple se destaca em um design bonito. A empresa poderia revelar-se algo mais impressionante que o tubo preto utilitário da Amazon ou o ambientador do Google.

Um maior iPad Pro

A Apple lançou um rumor de estar trabalhando em um iPad Pro de 10,5 polegadas, com uma tela que fica mais próxima das bordas do dispositivo. É um golpe menor, mas pode ser um sucesso com os fãs do iPad Pro.

Atualizações de software para Apple Watch e TV

Os irmãos mais novos do mundo do hardware da Apple, o Apple TV e o Apple Watch também poderão receber algumas atualizações de software. No passado, essas atualizações foram sólidas melhorias nos produtos.

Novos MacBooks

A Apple não esqueceu seus laptops. Espera-se que a empresa atualize o MacBook Pro e o MacBook Air de 12 polegadas com novos processadores mais rápidos. O MacBook Air foi negligenciado pela empresa nos últimos anos, mas uma atualização acessível para o menor membro da família MacBook poderia ajudar a Apple com o impulso de recuperar o mercado educacional.

 

Aprenda a construir e manter uma rede de contatos de qualidade e faça mais negócios

Image result for rede de contatos

Sabemos que manter uma rede de contatos ajuda na hora de fazer negócios. Entretanto, por medo ou vergonha, muitas pessoas acabam se isolando e não aproveitam para cultivar um bom networking. Leia esse artigo até o fim e aprenda a construir e manter uma rede de contatos de qualidade.

Quais são os seus principais objetivos

Convenhamos, sem metas e objetivos claros não chegamos a lugar algum, então, antes de sair por aí abordando as mais variadas pessoas, defina quais são os seus principais objetivos, o que você está procurando? Um novo parceiro de negócio? Um sócio? Um novo fornecedor que irá fornecer para você aquela matéria-prima rara no mercado, que te dará uma vantagem competitiva sobre os seus concorrentes? Objetivos diferentes, contatos diferentes, tenha isso em mente.

 

Tenha uma lista de pessoas conhecidas

Após definir os seus principais objetivos, comece a fazer uma lista com as pessoas que você conhece. Porém, não esqueça, atualize essa lista regularmente. Após fazer isso, escreva ao lado de cada contato o nível de proximidade que você tem com eles.

Você terá que dedicar tempo para aumentar esse nível de proximidade.

Na internet

Tenha um perfil profissional nas principais redes sociais. Além disso, saiba como se comunicar corretamente nessas redes.

Seja interessante

Seja interessante, tanto pessoalmente quanto online. Procure fazer com que os seus contatos se interessem por você.

Procure fazer favores, torne melhor a vida desse seu contato. Na sua lista de contatos, escreva como você pode ajudar cada um.

Conheça de verdade os seus contatos

Fale sobre o seu negócio, e pergunte sobre o negócio dele. A partir disso, você poderá perguntar como pode ajudá-lo e como ambos podem se ajudar mutuamente. Seja um solucionador de problemas, não uma pessoa chata que quer apenas obter benefícios para si.

Fale sobre a sua empresa, o ramo de atuação, a história da sua empresa, como ela nasceu, e diga o quanto ela é importante para você. Seja uma pessoa apaixonada pelo o que você faz e demonstre isso para os seus contatos. A partir disso, procure encontrar um ponto em comum com eles, com isso, você poderá fechar uma parceria de negócio. Lembre-se, tenha uma mentalidade ganha-ganha e busque deixar isso claro para os seus contatos.

Manutenção dos seus contatos

Após aplicar as dicas acima, você terá em mãos uma grande quantidade de contatos. Mas, quantidade nem sempre significa qualidade, dessa forma, com o passar do tempo, avalie a importância de cada contato para o seu negócio, assim, você poderá investir mais do seu tempo nesses contatos, porém, continue mantendo contato com todos os outros, você nunca saberá quanto eles poderão ser úteis.

 

 

3 ações de marketing de conteúdo essenciais para negócios online

Uma boa parte dos pequenos empreendedores tem criado negócios online, principalmente devido ao baixo investimento necessário para começar e à possibilidade de escalar o empreendimento.

O marketing, como elemento fundamental para alavancar um negócio, normalmente é incluído na orçamento da empresa. Porém, a maioria dos empreendedores foca suas ações apenas em campanhas.

E qual seria o problema deste tipo de abordagem? Como frequentemente apontado pela HubSpot, campanhas não produzem grandes resultados quando são implementadas isoladamente. O consumidor que vive conectado pode facilmente ignorar anúncios com um simples clique no botão “Fechar”.

Para atrair e reter clientes, é necessário mais que apenas apresentar o seu produto ou serviço.

O empreendedor precisa gerar valor para as pessoas e apresentar-se como uma autoridade amigável, ou seja, construir um relacionamento com seu público. Isso é o que os consumidores querem: alguém que resolva seus problemas.

E uma das estratégias mais bem sucedidas para realizar tal façanha se chama marketing de conteúdo.

O marketing de conteúdo corresponde a um conjunto de ações de marketing que visam atrair e criar um relacionamento com clientes e, ao mesmo tempo, abrir espaço para vendas.

Não sabe por onde começar? Então continue a leitura e aprenda 3 ações de marketing de conteúdo essenciais para negócios online.

  1. Publicar posts no blog

O blog deve se tornar um centro de atração.

Publique conteúdos relevantes, isto é, que sejam úteis para o seu público. Por exemplo, uma empreendedora que vende joias pode criar um post que ensine quais modelos são indicados para uma festa de casamento.

O segredo é pensar em informações que os consumidores precisam para tomar decisões. E para conhecer o seu público, antes de escrever qualquer conteúdo, faça uma pesquisa de mercado.

Busque entender:

  • A faixa etária
  • Os anseios e as dificuldades dos cliente
  • Seus objetivos
  • Seus canais de comunicação

E um detalhe que não pode ser esquecido: os textos devem ser interessantes, trazendo novidades e assuntos que sejam do interesse do cliente.

  1. Criar uma página de captura

A página de captura possui 2 elementos: uma oferta e um campo para preencher com e-mail.

A intenção é oferecer algum brinde, desconto ou material rico como e-book e, em troca, obter o contato do visitante e a permissão para enviar e-mails.

  1. Manter a comunicação por e-mail marketing

Um vez que o visitante do blog faça parte da sua lista de contatos, agora você pode começar a fazer e-mail marketing.

É importante ressaltar que mesmo com a permissão para enviar e-mails, as campanhas serão a etapa final da comunicação.

 

Antes, você deve disparar e-mails para divulgar o conteúdo do seu blog, enviar mais brindes, fazer pesquisas e ouvir diretamente dos clientes quais são as suas necessidades.

A vantagem de usar o e-mail marketing é que a sua marca estará presente no cotidiano dos consumidores, de modo que no momento em que eles precisarem de ajuda ou estiverem decididos a comprar algo relacionado a sua expertise, irão procurar por você.

Aproveite estas dicas e passe a fazer um marketing que funciona. E lembre-se, a prioridade é ajudar pessoas a resolverem seus problemas, pois você como empreendedor é alguém que gera valor para os clientes.

Como apresentar a sua ideia para conseguir convencer futuros investidores

Resultado de imagem para Como apresentar a sua ideia para conseguir convencer futuros investidores

Não é fácil conseguir convencer um investidor a dar dinheiro para você poder investir no seu negócio. Entretanto, existe técnicas que podem lhe ajudar nessa dura tarefa. Esse artigo irá descrever como apresentar a sua ideia para convencer investidores.

Prepare o seu Pitch

O Pitch consiste numa apresentação rápida e concisa, de 2 a 3 minutos, que você empreendedor, deverá fazer para apresentar a sua ideia para os seus futuros investidores. Nesse período de tempo, você deverá tentar “vender o seu peixe”, então, seja claro e mostre a sua ideia.

De acordo com Cassio Spina, fundador do Anjos do Brasil, entidade que reúne investidores dispostos a investirem seu capital próprio em empresas com potencial de crescimento, caso você possa fazer a sua apresentação em público, faça uma apresentação com slides que contenha as seguintes informações:

  • Explique qual o mercado-alvo do seu negócio e detalhe qual a necessidade que a sua ideia poderá atender
  • Explique como o seu produto/serviço atenderá essa necessidade específica
  • O que existe de novo nessa sua ideia, qual o seu diferencial
  • Deixe claro qual o potencial do seu negócio

Seja claro, e faça uma apresentação rápida, ela não deve ter mais de 6 slides.

Prepare o seu plano de negócios

O plano de negócios irá detalhar como a sua empresa irá funcionar. Nele você deverá fazer o plano de marketing, o plano operacional e o plano financeiro, além de detalhar outros aspectos do seu empreendimento.

Através do plano de negócios você poderá mostrar aos investidores a seriedade do seu negócio, além de demonstrar através de dados a viabilidade da sua ideia.

Diga quem é você

Diga quem é você e porque resolveu investir nessa ideia. Diga o quanto o seu negócio é importante para você, conte a sua história pessoal atrelada a essa ideia.

Diga como a sua ideia fará dinheiro

Mostre para os seus investidores qual o modelo de negócio da sua ideia, ou seja, de onde virão as receitas. Informações técnicas sobre o seu negócio são bem-vindas, entretanto, procure ser breve, e demonstre de forma clara como a sua empresa ganhará dinheiro.

Mostre o seu diferencial

Mostre porque a sua ideia é diferente das ideias semelhantes já existentes no mercado, diga porque você merece receber esse investimento.

Lembre-se, os investidores precisam compreender como eles irão faturar caso resolvam investir em você. Se coloque no lugar de cada investidor, e apresente a sua ideia com convicção, prepare o seu Pitch, ensaie possíveis respostas, e não tenha medo de expor a sua ideia. Pesquise o mercado, e veja se a sua ideia realmente é inovadora.

Esse artigo teve a intenção de lhe ajudar a apresentar a sua ideia para possíveis investidores. Não deixe de pesquisar mais sobre esse assunto e faça a sua ideia dar frutos.

O sucesso da nova estratégia de comunicação do Grupo RBS, de Eduardo Sirotsky Melzer

No começo do ano de 2017, o Grupo RBS, presidido pelo empresário Eduardo Sirotsky Melzer, anunciou uma nova estratégia de comunicação e de estrutura organizacional. Foi um passo muito importante para a evolução da empresa, que investiu na área de jornalismo, bem como na ampliação das plataformas de entretenimento e modernização na forma de relacionamento com o mercado, por meio de clientes e agências. Assim, as unidades de negócio passaram atuar de maneira horizontal e integrada, divididas em cinco áreas, sendo elas: Produto e Operação, Marketing, Mercado, Editorial e Finanças.

Desse modo, o objetivo principal dessa estratégia é adaptar a estrutura e o desempenho ao comportamento de consumo de informação do público e também a uma nova prática de mercado. As mudanças foram apresentadas em uma reunião que contou com a presença de Eduardo Sirotsky Melzer e líderes da empresa. Aos demais colaboradores do Grupo RBS, foi realizado uma videoconferência, onde todos tiveram acesso ao conteúdo. Espera-se que essa nova estratégia seja convincente na produção de conteúdo certificado e de qualidade, dentro das plataformas disponíveis, devido ao fato de uma era marcada por uma conexão ininterrupta.

Essa ideia do Grupo RBS faz parte da postura em ficar atento às mudanças que a indústria de mídia sempre procura renovar. Portanto, ressalta-se a necessidade de manter a eficácia das empresas. Para Eduardo Sirotsky Melzer, a comunicação é vista como uma das bases de desenvolvimento da sociedade. É importante estar preparado para as mudanças e, consequentemente, aumentar a força das relações com o público e com o mercado. Diante disso, deve ser estendido e preservado o foco no jornalismo, no intuito de entregar mais e melhores produtos, principalmente no meio digital.

Com relação ao entretenimento, a ideia é apostar na expansão dos negócios, em especial a plataforma Atlântida, uma vez que houve crescimento de faturamento superior a 28% no ano de 2016, através de soluções criativas para o público e os anunciantes. Quanto ao mercado publicitário, o Grupo RBS, de Eduardo Sirotsky Melzer, mudou a forma de se relacionar junto às empresas e agências. Para isso, as ofertas comerciais estavam focadas em atender às estratégias de comunicação dos clientes. Logo, foi criado um novo mecanismo de abordagem comercial, com a utilização de apenas um ponto de contato para cada cliente, a presença de um especialista encarregado por integrar toda a oferta da empresa, e uma nova segmentação, por perfil e comportamento do anunciante.

Os resultados dessa nova estratégia foram positivos para o Grupo RBS, que celebrou esse êxito no dia 10 de maio de 2017, em cerimônia realizada no Centro de Eventos do BarraShoppingSul, no munícipio de Porto Alegre, RS. A festa contou com profissionais do mercado de comunicação, clientes, comunicadores e colaboradores da empresa de Eduardo Sirotsky Melzer. Cerca de 400 convidados curtiram o show da cantora Preta Gil, responsável pela animação do evento. O empresário comemorou essa conquista e garantiu que o momento simboliza uma crença no futuro, com o reforço das marcas presentes na empresa, assim como a qualidade dos comunicadores e um relacionamento cada vez mais próximo com o cliente.

Rowan Gormley, o homem que montou sua própria empresa de vinho após ter sido demitido

Resultado de imagem para Rowan Gormley

Rowan Gormley diz que não tinha ideia de que estava prestes a ser demitido. Em junho de 2008, como fundador e chefe da Virgin Wines, ele estava tentando liderar uma aquisição de gerenciamento de seu grupo direto, Direct Wines.

“Eu fui convocado para uma reunião, pensei que era para discutir o preço de compra”, diz Gormley, agora com 54 anos. “Em vez disso, uma carta foi empurrada em cima da mesa para mim, que dizia que eu estava sendo demitido.

“Eu imediatamente saí da sala e tentei usar o meu celular fornecido pela empresa, mas ele tinha sido barrado enquanto eu estava na reunião.” O Sr. Gormley disse que decidiu imediatamente criar um negócio rival. Mas ele enfrentou uma corrida contra o tempo para conseguir que pessoas de confiança saíssem com ele.

“Eu atravessei a estrada para uma loja e comprei outro telefone o mais rápido que pude”, diz ele. “Telefonei para o escritório e o cara com quem falei disse: ‘Oh meu Deus, há um exército de pessoas aqui tentando nos fazer assinar pedaços de papel dizendo que não vamos falar com você, e todos os tipos de coisas'”. “Então eu dei a ele uma lista de 17 pessoas e disse, ‘diga a estas 17 pessoas para não assinar nada.'”

Felizmente para Gormley, o pessoal que ele mais queria manter decidiu segui-lo para fora da porta, e seis meses depois ele lançou seu novo empreendimento – Naked Wines.

Hoje ele é o chefe de ambos os Naked Wines e varejista de vinho do Reino Unido Majestic Wine, que combinaram vendas anuais de mais de £ 300 milhões. “Eu acho que fui demitido por causa de um choque de personalidades, ou talvez ego, mas foi honestamente a melhor coisa que já me aconteceu”, diz Gormley. “Caso contrário Naked nunca teria acontecido.”

Nascido e criado na África do Sul, Gormley diz que primeiro se interessou pelo vinho enquanto adolescente. Mas antes de começar a vendê-lo em seus trinta anos, ele passou quase duas décadas trabalhando em finanças.

Depois de ir para a universidade em Cape Town, ele treinou como contador, e mudou-se para o Reino Unido. Gormley trabalhou em private equity por sete anos antes de se juntar ao Virgin Group de Sir Richard Branson.

“Eu lancei a ideia para os caras do Virgin, mas eles não estavam muito animado sobre isso. Então eu comecei apenas vendendo vinho nas noites e fins de semana com meu irmão e amigo para provar que funcionava”, diz ele, “e seis meses mais tarde Virgin Wines nasceu.”

“No começo fizemos tudo errado – tínhamos uma sede rápida em Londres, um enorme escritório de TI, uma grande campanha publicitária e absolutamente nada funcionou”. Em uma última análise, o Sr. Gormley diz que, para a Virgin Wines sobreviver, teve de cortar sua força de trabalho em 90%, “recuamos para Norwich com nossas caudas entre as pernas”, e começamos novamente do zero.

Além de cortar custos, Gormley diz que ele virou a empresa, concentrando-se em vender vinhos interessantes de pequenos produtores em vez de vender as mesmas grandes marcas que as pessoas poderiam comprar nos supermercados.

No momento em que ele e sua equipe conseguiram fazer com que os vinhos da Virgin fossem lucrativos, ele foi vendido para a maior empresa do Reino Unido Direct Wines em 2005, apenas para Gormley ser demitido três anos depois.

 

Empresa holandesa quer ganhar mais espaço no mercado nacional

Hoje no Brasil, a empresa holandesa Adyen, vem trabalhando para conquistar mais espaço no mercado de cartões.

A Adyen, que está no mercado nacional desde 2011, teve no ano passado, o total de 22 bilhões de reais em pagamentos por todo território brasileiro. Esses números dobraram em relação ao ano anterior, sendo a meta da empresa dobrar esse ano também e nos próximos.

O vice-presidente da empresa Adyen na América Latina, Jean Christian Mies, declarou que as empresas do setor vão precisar mostrar serviços diferenciados e não apenas processar pagamentos eletrônicos, para manter e conseguir novos clientes, procurando dessa forma, garantir a sua sobrevivência no mercado.

A Cielo, que é líder desse segmento, obteve um crescimento em 2016 de 6,7% em transações, apresentando um volume 26 vezes maior em comparação com a Adyen, totalizando o valor de 585 bilhões de reais.

O vice-presidente da Adyen fez essas declarações, no momento em que o Banco Central lança novas reformas nas regras do setor de meios de pagamento, com o objetivo de aumentar a concorrência entre as empresas e diminuir os juros absurdos, praticados antes dessas mudanças.

Esse setor de meios de pagamento, depois de alguns anos obtendo crescimento, vem desde 2015 desacelerando, devido a uma grande recessão econômica e novos concorrentes nesse segmento.

No mercado nacional, existem cerca de quinze empresas nesse setor de meios de pagamento, e novas concorrentes podem entrar no mercado, ainda esse ano.

Desde abril, o Banco Central criou novas regras em relação ao financiamento do cartão de crédito  no rotativo , e já está estudando mudanças nas regras atuais, como a diminuição do tempo para o repasse, das vendas feitas para os lojistas, que hoje é de 30 dias, passando para 2 dias.

Com essas mudanças, os especialistas avaliam que, as empresas maiores como a Cielo, Rede, do Itaú Unibanco; e GetNet, do Santander Brasil, teriam uma maior facilidade para lidar com essas novas regras, porque estão ligadas a grandes instituições.

Para a empresa holandesa Adyen, essas novas mudanças não fazem muita diferença, porque a parte financeira das suas transações, são feitas pelo seu parceiro, o Banco Bonsucesso.

A Adyen foi criada em 2006, e tem entre os seus acionistas, o fundo soberano de Cingapura Temasek e o fundo de private equity General Atlantic. Ela se apresenta como uma fintech, que é um nome dado a empresas basicamente tecnológicas, que prestam serviços financeiros, sem ligação com grandes bancos.

Em outros países, ela compete com empresas maiores como a Worldpay e PayPal.

No último ano, a Adyen teve quase 100% de aumento na sua receita, com valores em torno de 727 milhões de dólares, com uma meta para esse ano, de dobrar sua receita novamente, inclusive no Brasil, podendo chegar a 1,5 bilhão de dólares.

Grandes empresas estão na lista de clientes da Adyen, que oferecem serviços pela internet, como Booking.com, Spotify, Uber, Facebook, Airbnb, Twitter, LinkedIn e Netflix, que estão passando por um grande crescimento nas Américas e na Ásia.

No mercado nacional, ela atende a livraria Saraiva, as empresas de comércio eletrônico como Netshoes e Dafiti, e também o Magazine Luiza.

A Adyen no Brasil, tem cerca de 40 funcionários, do seu total de 500 no mundo todo.